---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Cocal do Sul implanta programa Reciclando Medicamentos

Publicado em 12/11/2018 às 15:18 - Atualizado em 12/11/2018 às 15:18

A iniciativa é uma parceria com o Unibave  e tem o objetivo conscientizar a população em relação ao descarte correto e reutilização em promoção à saúde  

  

 Dar o destino correto a medicamentos vencidos ou sem uso. Esse é o objetivo do convênio firmado entre o Governo Municipal de Cocal do Sul e a Fundação Educacional Barriga Verde por meio do Centro Universitário Barriga Verde – UNIBAVE ao implantar o programa Reciclando Medicamento.

 Oa detalhes práticos do programa foram discutidos durante encontro que reuniu prefeito Ademir Magagnin, vice-prefeita Cirlene Gonçalves Scarpato, secretária de saúde Sinara Crippa Milanez, presidente do Legislativo, Roseny Cittadin (autora da indicação que demandou nesta iniciativa) professor, pesquisador e coordenador do Núcleo de Estudos Aplicados à Saúde, Adalberto Alves de Castro; professor e Pró-Reitor de pós-graduação, pesquisa e extensão e administrativo, Dimas Ailton Rocha e professora Andressa Córneo Gazola, coordenadora do curso de Farmácia. A partir de agora, o município realizará um trabalho diferenciado e de conscientização à população.

 Segundo o prefeito o programa alertará sobre o fato dos medicamentos vencidos não poderem ser descartados como lixo comum. "Estaremos em conjunto repassando orientação sobre o uso correto e racional dos medicamentos e, principalmente, incentivar a doação de medicamentos que não são mais utilizados", afirmou Magagnin.

 A Secretaria de Saúde implantará ainda pontos de coleta e os medicamentos passarão por uma triagem para identificar aqueles que ainda podem ser reutilizados e aqueles que serão realmente descartados. O programa também irá viabilizar materiais informativos, palestras e orientações nas escolas e demais parceiros, entre outras ações.

 "Essa é uma parceria que vem para fortalecer os serviços públicos já realizados. Ela é de  caráter educativo e preventivo, pois o acúmulo de medicamentos traz uma série de consequências. E, quando não utilizados, poderão servir para outras pessoas, pois eles serão armazenados e classificados de forma segura, o que irá favorecer a saúde e o meio ambiente. Um trabalho de grande valia", destaca a secretária Sinara.

 

 

O programa é uma iniciativa do curso de Farmácia e do Núcleo de Estudos Aplicados a Saúde – Neas do Unibave com o objetivo principal de conscientizar a população em relação ao descarte correto de medicamentos e também para a reutilização na promoção de saúde. "Nós conhecemos o programa em uma visita a Unibave e entendemos que ele irá ajudar o município a economizar e ajudar as pessoas a fazerem o seu tratamento com a reutilização de medicamentos muitas vezes sem uso em casa, dando um destino correto e solidário", finaliza a presidente do Legislativo, Roseny.   

 


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar