---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Avaliação dos primeiros dias do desvio de trânsito no Centro de Cocal do Sul é positiva

Publicado em 02/05/2019 às 18:14 - Atualizado em 02/05/2019 às 18:14

Desde o último domingo (28), o município de Cocal do Sul vive uma de suas

maiores experiências em relação ao desvio do trânsito no Centro da cidade.
Em função da obra de drenagem que ocorre na Avenida Dr. Polidoro Santiago,
as alterações servirão de teste para o funcionamento em Sistema Binário. 

Nesta quinta-feira (2), as mudanças foram avaliadas pelas autoridades
policiais, comércio e instituição escolar. 



A Polícia Rodoviária Estadual acredita que o Projeto Binário seria um grande
avanço  para a mobilidade urbana. “Com a mudança provisória que estamos
vivendo já podemos observar que o trânsito esta fluindo melhor e com muito
mais segurança. É importante que a população esteja engajada nesta
iniciativa e respeite a sinalização que foi toda criada para facilitar os
motoristas e pedestres na locomoção pelo Centro da cidade. Com todos os
cuidados necessários, não teremos problemas nesta transição. As
transformações são necessárias para a modernidade e melhorias  em nossas
vidas, contudo é interessante estarmos dispostos a dar a nossa contribuição
para o bem-estar de todos”, destaca o sargento Adão Salvato, do 5º
Gp/PMRv/SC. 

Conforme o comandante da Polícia Militar de Cocal do Sul, Sargento Fontoura
as mudanças nunca ocorrem sem inconvenientes, até do pior para o melhor.
“Teremos um tempo de adaptação por parte dos pedestres e condutores, mas o
trânsito ficou mais rápido e seguro para veículos e pedestres. Percebemos
que as filas diminuíram e que ficou mais fácil para o pedestre atravessar a
rua, devido à via estar mais estreita e com apenas um fluxo. A avaliação até
o momento é positiva e tende a melhorar”, observa. 



Para a diretora da Escola de Educação Básica Professor Padre Shuller, Karla
Scarpato de um modo geral ficou mais tranquilo a entrada e saída na frente
da escola, localizada na rua Dr. Edson Gaidzinski. “O fluxo diminuiu muito.
A entrada dos ônibus pelos fundos ficou bem melhor para a escola. Fizemos
duas equipes de trabalho para monitorar o funcionamento no primeiro dia.
Tudo ocorreu de forma bem organizada e alguns ajustes serão feitos para
melhorar ainda mais. Nós teremos um monitor responsável para ficar sempre no
local cuidando dos horários de entrada e saída. Nós temos o espaço para os
ônibus, para os alunos e faixa de segurança”, relata. 



A presidente da CDL, Amanda de Oliveira também avaliou os primeiros dias das
alterações no trânsito no Centro da cidade. “Acredito que ainda é cedo para
uma opinião mais precisa em relação ao bom ou ruim, mas tudo isso é
necessário para que a obra de drenagem ocorra e para que o comércio não seja
prejudicado com as fortes chuvas. Minha loja está bem no "pátio de obras",
poderia reclamar muito, mas tenho consciência. Em relação ao trânsito acho
que toda mudança gera estranheza no começo, mas com o passar dos dias as
pessoas vão se acostumando e vira rotina. Nossos associados estão em
processo de avaliação do Sistema Binário. Esta realmente é uma oportunidade
para testá-lo, pois a maior preocupação do lojista está sendo com a
acessibilidade ao comércio”, observa. 


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar